Um Esboço de Sentimento II

ou Bom dia por quê? (Da série Parágrafos Desconexos)

Quando você menos espera, tudo começa a dar errado. Quando eu achava que finalmente iria ter sossego e conforto, o mundo resolveu aumentar sua velocidade de rotação (licença poética, desculpem-me) e desequilibrou todo mundo. Todos (ou quase todos) se levantaram e, pra variar, eu não.

Se tem uma coisa que me incomoda é não entender tudo que acontece ao meu redor. Não sei se é meu espirito cientista falando mais alto ou apenas uma necessidade de fazer parte de tudo, mas não é a primeira vez que isso me atrapalha e também não será a última. Eu odeio quando minha cabeça começa a funcionar demais. Só tenho que aceitar que nem sempre tudo é como a gente espera.

Sempre nos ensinam a olhar para as coisas boas da vida, mas fica difícil quando as únicas coisa que vemos são a Ironia e o Sadismo da nossa própria existência.

Depois disso, volto pra minha monografia que, por bem ou por mal, precisa ser escrita.

Anúncios